×SegurançaGeralViver BemCasa e DecoraçãoComer e BeberModa e EstiloVeículosQuem somosEsporteSeu PetRegiãoViagensTecnologiaVídeosEmpresas e EntidadesBairrosCulturaVariedadesEleiçõesBrasil

REFORÇO: Brigada de Bento recebe seis fuzis e 26 coletes balísticos

Material foi adquirido pelo Estado através dos recursos repassados por uma emenda parlamentar da bancada federal gaúcha. Para o município, investimento é de R$ 73,6 mil

16/10/2020 03:21

Batalhões da Brigada Militar em todas as regiões do Estado receberam nesta sexta-feira, dia 16, um reforço para qualificar a proteção e o trabalho dos policiais militares no combate à criminalidade. O governo do Estado entregou à corporação 799 fuzis carabinas 5.56 e 1.777 coletes balísticos, que serão destinados para unidades em 108 municípios do RS.

O investimento de R$ 8,3 milhões é parte do recurso possibilitado via emenda da bancada federal gaúcha, em um total de R$ 67,3 milhões, com contrapartida de R$ 6,3 milhões do governo estadual. Essa é a oitava ação custeada a partir da emenda, pela qual já foram entregues 394 viaturas, 176 armas, 4.468 coletes e equipamentos de informática e comunicações para a BM e a Polícia Civil, além do cercamento eletrônico com 525 câmeras e 30 salas de monitoramento instaladas em 36 municípios. Outras aquisições com o recurso estão em fase de finalização.

Para Bento Gonçalves, serão repassadas seis carabinas e 26 coletes. O investimento total direcionado ao município nesta aquisição de materiais é de R$ 73.620,69.

Entre as 799 carabinas, 312 serão distribuídas para 107 cidades, cumprindo a indicação realizada pelos deputados federais e senadores gaúchos na proposição da emenda, em 2017. As demais 487 armas e os 1.777 coletes balísticos foram adquiridos com saldo de economia entre o valor inicialmente orçado para compra dos bens previstos pela emenda e o que foi efetivamente aplicado.

A economicidade foi possível por meio das licitações realizadas pelo governo gaúcho, o que permitiu utilizar a sobra dos recursos para essa nova compra. A destinação desse montante extra foi definida conforme estudo da SSP e da BM e vai contemplar 30 dos 107 municípios listados pela emenda, mais a cidade de São Leopoldo. “A integração e o investimento qualificado, ao lado da inteligência, formam as três premissas do nosso programa RS Seguro, que tem gerado excelentes resultados na queda da criminalidade do Estado. Essa entrega é mais um fruto da colaboração dos nossos deputados federais e senadores para aprimorar o trabalho da segurança. E a gestão adequada feita pela nossa área técnica, gerando economia nas licitações, nos permitiu maximizar o aproveitamento dos recursos, dobrando o número de coletes e armas em relação ao planejamento original. Um grande reforço para a Segurança do RS”, afirma o vice-governador e secretário da Segurança Pública, Ranolfo Vieira Júnior.

A maior parte desses coletes e carabinas extras foi priorizada para reforço do Batalhões de Polícia de Choque (BP Choques). O 2° BP Choque, de Santa Maria, e o 3° BP Choque, de Passo Fundo, receberão 100 coletes e 100 carabinas cada. O 4° BP Choque, de Caxias do Sul, e o 5° BP Choque, de Pelotas, criados em julho de 2019 dentro do planejamento do programa RS Seguro, vão receber 100 carabinas e quase de 300 coletes cada (270 da unidade da Serra e 271 no batalhão da região Sul).

Em Porto Alegre, serão contemplados seis Batalhões de Polícia Militar (1°, 9°, 11°, 19°, 20° e 21°) e o 4° Regimento de Polícia Montada (4° RPMon), ligados ao Comando de Policiamento da Capital. CLIQUE AQUI e confira a lista completa.

Fotos: Imagem Ilustrativa - Fonte: